O cantor André Valadão diz que gays evangélicos dentro da igreja não dá

0
35

O cantor gospel André Valadão respondeu a uma nova série de perguntas que ele recebe dos seguidores nas redes sociais, com dúvidas sobre diversos assuntos da vida cristã e de sua carreira musical.

Desta vez, André Valadão falou sobre a presença de pessoas gays nas igrejas evangélicas. Um seguidor questionou: “Dois rapazes que são membros da igreja estão namorando, expulsa eles ou deixa na igreja?”.

O cantor gospel, que lidera a Lagoinha Orlando (EUA), afirmou que não dá para viver na igreja e manter relações gays ao mesmo tempo. André Valadão sugeriu que homoafetivos não podem ter uma vida cristã nas igrejas, e que deveriam procurar um “clube gay”.

“Eles podem ir para um clube gay ou coisa assim, mas na igreja não dá. Esta prática não condiz com a vida da igreja. Tem muitos lugares que gays podem viver sem qualquer forma de constrangimento, mas na igreja é um lugar para quem quer viver princípios bíblicos”, respondeu.

Ignorando que hoje em dia existem dezenas de igrejas inclusivas que aceitam o público LGBT+, André Valadão deu a entender que gays não são bem-vindos nos templos religiosos, por achar que lá não seria um lugar que essas pessoas pudessem manter vínculos.

“Não é sobre a igreja expulsar, é sobre entender o lugar de cada um”, finalizou.

Comentário