Série: O Fruto do Espírito – Delicadeza

0
27

DELICADEZA

Mas o Fruto do Espírito é: amor, alegria, paz, paciência, delicadeza, bondade, fidelidade, humildade e o domínio próprio. E contra essas coisas não existe lei.” (Gálatas 5:22 NTLH)

A benignidade é a característica forte das pessoas bondosas, delicadas e amáveis, não é nenhuma dificuldade para elas demonstrarem atos de gentileza para com aqueles que estão a sua volta e para com aqueles que são desconhecidos.

A amabilidade é uma capacidade concedida pelo Espírito Santo que nos possibilita sentir empatia pelo outro, perceber as suas necessidades, nos fazendo compadecer-nos delas.

Vivemos um tempo de muito individualismo, competitividade e agora de isolamento, não falo somente do isolamento social, por conta da pandemia, vivemos isolados uns dos outros, faz tempo.

A gentileza é mais que um simples gesto de empatia, é a forma pelo qual acessamos e aquecemos os corações das pessoas.

Ser empático não é somente ser capaz de se colocar no lugar do outro ou ter uma ideia do que o outro está sentindo. É se identificar, se comunicar, se envolver mesmo.

Certamente, a gentileza é uma virtude imprescindível e necessário para acessar os “muros emocionais” que nos separam uns dos outros. Dr. Augusto Cury escreveu em uma das suas obras. “Mas toda mente é um cofre; não existem mentes impenetráveis, e sim chaves erradas.”

Deus é assim, benigno e compassivo, nos trata com compaixão e misericórdia, Ele sente e percebe as nossas necessidades em todas as áreas das nossas vidas e se importa com cada uma delas.

Nesta semana, procure exercitar atos de gentileza com as pessoas que você tiver uma oportunidade, um “bom dia” já vale! Além de você aquecer o coração delas, talvez você gere uma lembrança que ficará marcada em suas vidas.

Comentário