Local onde Jesus se batizou não tem mais minas terrestres

0
10
Foto: Divulgação/Internet

Em 1970, na Jordânia, milhares de minas terrestres foram colocadas por militares israelenses no local onde Jesus se batizou, com o objetivo de contar conflitos.

As minas foram implantadas ao longo de todo o Rio Jordão, impossibilitando assim, que os fiéis tivessem acesso ao local sagrado.

Uma igreja tradicional, nas proximidades do Jordão, fez uma celebração, pela primeira em dezenas de anos para comemorar que o local está livre de minas.
A cerimônia contou com a presença de 50 pessoas, devido a restrição do COVID-19.

Comentário