Wallace Oliveira repudia matéria que ensina como fazer um aborto

0
7
aborto
Foto: Robervaldo rocha/CMM

O vereador Wallace Oliveira (Pode) repudiou com veemência a matéria divulgada pela Revista Azmina, que ensina o passo a passo de como se fazer um aborto, durante seu pronunciamento na manhã de terça-feira (24), na tribuna do plenário Adriano Jorge, na Câmara Municipal de Manaus (CMM).

“Trago um grito de repúdio a uma matéria da Revista Azmina, que apresentou um passo a passo de como se cometer um aborto. Como isso pode ser divulgado por essa revista, se no nosso país, o aborto é crime?”, indagou o vereador, baseado na legislação brasileira vigente.

No texto da matéria é apresentado o “protocolo recomendado pela Organização Mundial de Saúde (OMS) para o aborto”, no qual é utilizado um determinado medicamento, que foi alvo de muitas críticas e denúncias encaminhadas ao Ministério Público Federal (MPF) e a Polícia Federal (PF), visto que o aborto é crime no Brasil.

Wallace Oliveira também questionou o posicionamento geral da maior parte da sociedade brasileira em relação a esse tipo matéria. “Vejo pouquíssimas pessoas se posicionando contra esse tipo de tema, observo que grande parte da sociedade está omissa. Se não existir pessoas vivas no planeta, de nada adiantará preservar as demais coisas”, enfatizou.

O parlamentar afirmou ainda que, atualmente, está em crescimento as práticas contra a vida humana num processo de deteriorização. “Hoje, com muita tristeza, vemos a proliferação da apologia contra a vida, com uma dessas práticas sendo o ensino de como abortar. Essa matéria é um grande absurdo e demonstra o processo de deteriorização que a vida humana está passando”.

Ao final, Wallace Oliveira informou que apresentará uma moção de repúdio a esse ato da Revista Azmina, e lembrou que a vida é concedida por Deus. “Estarei apresentando uma moção de repúdio a essa revista, pela veiculação dessa matéria que ensina o passo a passo de como fazer um aborto. Também, quero aqui fortalecer que o princípio da vida é concedida por Deus, somente Ele dá, somente Ele tira”, finalizou.

Thiago Motta – Assessoria do vereador Wallace Oliveira

Comentário