Após família autorizar desligamento das máquinas, menino de dois anos acorda de coma no domingo de Páscoa

0
192
Foto: Painel Político

Dylan Askin, de dois anos, sofria de um tipo raro de câncer no pulmão e, após longo período de tratamento, os médicos e a família decidiram desligar os aparelhos, quando perceberam o funcionamento normal dos órgãos de Dylan ontem (01), domingo de Páscoa.

O caso de Dylan chama mais atenção pela coincidência com a data que e se comemora a ressurreição de Jesus Cristo, verdadeiro significado da páscoa para os cristãos. Kerry e Mike, pais do menino, contam que o caso parece um milagre. “Ele era tão próximo de seus irmãos que foi uma decisão difícil, mas os médicos disseram que seus órgãos estavam falhando e não havia nada que pudessem fazer”, revelou a mão ao site Telegraph, da Inglaterra. “Nós estávamos tentando não ter esperança, mas nós apenas sentamos ao lado dele e esperamos que no fim ele ficasse mais forte”, completou.

 

A família vive em Shelton Lock, um subúrbio da cidade de Derby, no Reino Unido. Dylan foi internado no natal de 2015 com 80% dos órgãos cobertos por cistos. Dylan recebeu alta no dia 16 de maio e terminou o tratamento contra o câncer no dia 21 de julho de 2016.

Comentário