“Psicopata do Hexa”: torcedor do Brasil que viralizou na internet trabalha em fabrica de foguetes

0
162
Reprodução/TV Globo

Assistir a um jogo da seleção brasileira no estádio era um sonho para Yuri Torski, russo de 34 anos que mora na cidade de Samara. No entanto nunca passou por sua cabeça que ao realizar esse sonho ele se tornaria um dos símbolos da torcida verde-amarela.

 

A foto que registrou o olhar fixo e a cara de mau, durante o confronto entre Brasil e México na última segunda-feira, viralizou e fez de Torski o protagonista de vários memes e alvo de apelidos.

 

Em conversa com o UOL Esporte, o russo comentou o apelido “Psicopata do Hexa” que ganhou e disse não se sentir cômodo com a fama. “Eu não estou muito feliz com esta situação. O que quero é apenas torcer pelo Brasil”, disse.

 

O homem trabalha na CSKB Progresso – empresa militar que construiu a espaçonave que levou o primeiro homem ao espaço, Yuri Gagarin, em 1961 – e aproveitou as férias para assistir ao jogo ao vivo. “Para os brasileiros o futebol é mais que apenas um jogo”, comentou.

 

Mesmo alegando aversão a fama, Torski brincou com os memes. Uma caricatura da famosa foto virou a imagem de seu perfil no VK (Facebook russo).

 

Foto: Reprodução/VK

 

No perfil há uma mensagem de agradecimento, escrita em inglês, aos torcedores brasileiros pelas manifestações carinhosas:

 

“Obrigado por tudo! Desculpe não poder responder a todos vocês, mas são todos incríveis. Eu estou muito feliz por fazer parte do time brasileiro neste torneio. Com certeza torcerei pelo Brasil nas próximas fazes e espero que ele vença. PS: Perdão pelo meu inglês ruim”.

Comentário