Presidente em exercício descartou fechamento da Embaixada da Palestina

0
15
Foto: Agência Brasil

O presidente em exercício, general Hamilton Mourão, descartou hoje (23) a possibilidade de o Brasil fechar a Embaixada da Palestina. Segundo ele, a hipótese é uma “ilação” e “retórica”, sem corresponder com a realidade. Para ele, não houve alterações desde 1947, quando foram estabelecidos dois Estados – de Israel e da Palestina.

Perguntado sobre o fechamento da Embaixada da Palestina, Mourão respondeu que “os dois estados são reconhecidos. O resto tudo é retórica e ilação”.

O conflito entre palestinos e israelenses envolve, sobretudo, disputas territoriais. Israelenses não reconhecem a Palestina como um Estado político e diplomático independente nos territórios da Cisjordânia e da Faixa de Gaza.

Fonte: Agência Brasil

Comentário