Pastor oferece cinco conselhos a evangélicos casados com não-cristãos e frisa: “Dê testemunho”

0
498
Foto: Reprodução

Casamentos onde o parceiro(a) não é convertido ao evangelho é muito comum no Brasil. Às vezes os cristãos que são casados com não-cristãos acabam encontrando problemas entre si devido a isso. O líder da Igreja Cristã da Aliança, Niterói (RJ), publicou conselhos para lidar com esse tipo de situação:

Renato Vargens comenta que muitos “não sabem como lidar com o cônjuge que ainda não foi regenerado pelo Senhor”, e sugere cinco passos para que o testemunho de quem segue o Evangelho alcance a quem não segue.

“Deus pela sua graça e bondade, tem mediante o Espírito Santo regenerado um número incontável de pessoas levando-os a experiência da salvação […] Elenco abaixo cinco dicas que lhe ajudarão a testemunhar da sua salvação para seu marido ou esposa”, escreveu o pastor, em seu blog.

“Ore por seu cônjuge e peça a Deus momentos oportunos para testemunhar do evangelho no momento certo; Compartilhe de sua fé. Conte ao seu cônjuge o que lhe aconteceu. Da Graça de Cristo que lhe envolveu, do perdão dos pecados, e da libertação da culpa”, sugeriu.

Reavaliar erros e tomar uma decisão de se desculpar por eles é uma forma de demonstrar a mudança de vida: “Se necessário, peça perdão pelos erros, pecados cometidos, bem como falhas na forma de lidar com o seu cônjuge”, aconselhou.

“Mostre ao seu cônjuge com atos e atitudes a sua regeneração e conversão. Se gritava não grite mais; se brigava por qualquer motivo, não o faça mais; se era um péssimo esposo, mostre que mudou; se era murmurador, comporte-se de forma diferente”, salientou, antes de concluir: “Aos maridos digo: ame sua esposa como Cristo amou a igreja, dedicando-se e servindo a ela. Às esposas, sejam submissas aos seus maridos no temor do Senhor”.

Comentário