“O Estado pode ser laico, mas eu sou cristão”, diz Bolsonaro após receber intercessão de pastores

0
140
Foto: Internet

O candidato à Presidência da Republica Jair Bolsonaro (PSL) participou de um culto da Igreja Batista Atitude, na Barra da Tijuca, Rio de Janeiro. O presidenciável e sua esposa, Michelle de Paula, que é membro ativa da unidade e do ministério de Libras, receberam uma intercessão especial.

 

Os líderes religiosos presentes pediram que a Deus para que guie a corrida eleitoral. “Eu louvo porque ele respeita a igreja, respeita a criança, porque ele não é favorável à morte de inocentes. Que Deus o capacite, dê palavras sábias e saúde”.

 

Após a oração, Bolsonaro falou aos presentes sobre as suas convicções:

 

“Estou um pouco emocionado. Jamais um dia sonhei chegar na posição que me encontro. Já agradeço a Deus pela oportunidade. Eu tenho a paz dentro de mim, uma família maravilhosa, a consciência plena do que estou fazendo. Botei uma pessoa para ser meu vice que tem a minha cara. Nós temos que unir esse país. Temos que valorizar a família, fazer com que as crianças sejam valorizadas em sala de aula e varrer o comunismo do Brasil. O Estado pode ser laico, mas eu sou cristão”, declarou Jair Bolsonaro.

 

Comentário