Missionários são executados por evangelizar no Ramadã

0
739
Foto: Reprodução/Internet

Lee Zing Yang, de 24 anos, e Meng Li Si, de 26 anos, foram sequestrados por terroristas disfarçadpos de policiais na cidade de Quetta, no Paquistão.

 Após vários dias sem informações, surge a notícia de que os dois foram mortos. Eles eram professores de mandarim, língua majoritária da China, em uma escola no interior do país. Contudo, sua atividade principal era falar sobre Jesus para os muçulmanos, que configuram cerca de 90% da população local. O fato deles evangelizarem durante o mês de Ramadã, o mais sagrado do ano para os muçulmanos, irritou mais ainda os jihadistas.

 

Comentário