Fiel é assassinado no mega templo da Igreja Universal

0
1490
Foto: Reprodução/Internet

O assassinato ocorreu no final do passado. Um fiel foi morto no Templo da Fé de Santo Amaro, na zona sul de São Paulo, considerado o terceiro maior templo da capital, com capacidade para 6.000 pessoas.

Ronaldo Bispo dos Santos, de 48 anos foi procurar sua esposa, Maria do Campo Conceição, mas se desencontram. A vítima foi até o estacionamento esperar sua esposa, quando foi perguntar aos seguranças dos locais onde ficava o banheiro. Sem qualquer razão, os seguranças agiram com violência contra o fiel, onde ainda pediu ajudar de dois pastores que estavam passando no local, mas apenas ignoraram.

A vítima foi socorrida e levada até o hospital e deu detalhes do ocorrido aos parentes.

“Ele me disse que levou muitos chutes. Chutaram muito a cabeça dele. Ele disse que foram três seguranças, que ainda pediu socorro para dois pastores, mas eles negaram socorro”, disse Rosely de Pádua dos Santos, (68), a mãe de Ronaldo.

Ronaldo Bispo dos Santos não resistiu aos ferimentos, e morreu quatro dias depois das agressões. A perícia constatou diversos traumas no pulmão, cabeça e ruptura alça intestinal. Apesar das suspeitas com base no relato da vítima, os autores do crime ainda não foram identificados.

Comentário