Crianças são proibidas de agradecer pela refeição na Suécia

0
494
Foto: Reprodução/Internet

As crianças de um jardim de infância na Suécia, sentiram falta da oração antes de uma refeição da tarde. Sem saber explicar exatamente o motivo, a professora disse que não iriam mais orar pois estava com ”muita fome”. Mas o real motivo, é bem diferente. Segundo as leis impostas pelo governo, as escolas não poderão ensinar nenhum tipo de religião ou crença, pois violaria a ”Lei de educação” dos pais. A legislação proíbe as instituições de ensino de incorporar “elementos confessionais” durante o horário das aulas e também dá o direito de as crianças não participarem de atividades religiosas.

 A escola, é administrada pela igreja Exército da Salvação e foi acusada de não oferecer aos alunos a escolha de não participar das atividades consideradas religiosas.

 

A diretora Britt Marie Mårtensson reconheceu que a Lei de Educação “pode ​​ser interpretada de maneiras diferentes”, mas que a escola não entendia que agradecer pelos alimentos fosse considerado parte do período de aula.

Comentário